Universidade Paulista http://www3.unip.br Últimas notícias pt-br Copyright Unip. Todos os direitos reservados. UNIP - Universidade Paulista http://www2.unip.br/img/layout/logo_unip_rss.gif http://www3.unip.br 154 79 <![CDATA[15/12/2017 - Professor do Programa de Pós-Graduação em Administração realiza aula na Associação Reciclázaro ]]> Por Pós

O professor do Programa de Pós-Graduação em Administração Ernesto Giglio realizou, na Associação Reciclázaro, uma aula de campo sobre o tema Governança relacional. A aula reforçou a validade e o momento de se investigar os projetos sociais em redes em São Paulo, nos quais a Reciclázaro atua com competência.

 

A Associação Reciclázaro é comprometida com a questão social e busca alcançar pessoas que se encontram desprotegidas, protagonizando projetos que visam garantir a proteção e a promoção social. A percepção subjetiva que as pessoas em situação de vulnerabilidade social têm de suas próprias necessidades e a multidimensionalidade de sua situação demandam soluções também complexas e multidimensionais. Tal situação desafia a Associação a criar projetos audaciosos que respondam às situações emergentes da sociedade e que possam, assim, contribuir para o bem-estar da população, ocupando-se não só da proteção mas também da promoção de suas capacidades, objetivação dos riscos e abertura de oportunidades.

 

Durante a aula ministrada pelo professor Ernesto Giglio, a coordenadora do Centro de Formação Profissional e Educação Ambiental (CEFOPEA), uma das unidades da Reciclázaro, Camille Carletti, compartilhou também informações relevantes para o tema em discussão.

 

]]>
DATA15/12/2017
<![CDATA[13/12/2017 - A Vice-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa comunica as defesas de novembro de 2017 ]]> Por Pós

Data da defesa: 28/11/2017

Autor: Luiz Carlos Machi Lozano

Orientador: Prof. Dr. Jair Minoro Abe

Programa: Mestrado em Engenharia de Produção

Título: Sistema especialista de apoio à análise de locomoção de frangos de corte apoiado na Lógica Paraconsistente Anotada Evidencial Eτ

Resumo: Este trabalho propõe um sistema especialista de apoio à Análise de Gait Score de frangos de corte, apoiado na Lógica Paraconsistente Anotada Evidencial Et. Em junho de 2016, o Brasil foi considerado um dos maiores exportadores de frangos de corte do mundo. Porém, ainda é necessário enquadrar-se nas normas internacionais de bem-estar dos animais sem aumentar o custo de produção. As aves produzidas no Brasil sofreram mais de 30 anos de cruzamentos genéticos até chegarem ao biótipo que apresentam hoje. Os problemas de locomoção são considerados os mais relevantes em relação ao bem-estar, pois aves que sentem dor ao caminhar acabam tendo restrições nos movimentos, o que dificulta sua ida aos dispositivos de alimentação e bebedouros. Esse problema reflete-se desde a engorda das aves até o momento do abate. Periodicamente, as empresas produtoras de frangos de corte passam por auditorias e a principal forma de avaliar um lote de aves é pela análise de Gait Score (GS), que pontua as aves de acordo com sua marcha, ou seja, seu caminhar. Os frangos são classificados de 0 a 5, sendo 0 para aves sem restrição alguma e 5 para aves que praticamente não se locomovem. Essa auditoria é feita de forma visual: um auditor analisa um lote de aves por amostragem, verificando a quantidade de animais para cada pontuação dentro desse lote. Levando-se em consideração que as variações entre aves com pontuações próximas são muito pequenas, torna-se difícil identificar, por exemplo, a diferença entre uma ave com Gait Score 2 e outra com Gait Score 3. O mesmo não ocorre nos extremos da pontuação: aves com Gait Score 0 e com Gait Score 5 podem ser facilmente identificadas. Um fato que pode corromper uma análise está no vício da amostra. Ao perceberem a presença de um profissional no aviário, as aves sadias saem em disparada, permanecendo nas regiões da coleta de amostras apenas as comprometidas. O auditor externo pode alegar que as aves não atendem às melhores condições, inviabilizando o negócio. Uma amostragem de aves realizada de maneira automatizada, em vários pontos da granja e sem a interferência humana, pode servir como defesa dos produtores durante os processos de auditoria, já que a análise automatizada transcorrerá sem interferências. Os produtores também poderão identificar anomalias em sua produção. Este trabalho realizou, de modo inédito, a classificação das aves por meio de um algoritmo para-analisador, tendo sido utilizada velocidade e aceleração de um lote de aves extraídas no MATLAB (MATrix LABoratory). Os valores intermediários da pontuação da marcha ainda são difíceis de estimar. Não existe uma associação simples entre velocidade e aceleração e a pontuação da marcha da ave, razão pela qual se decidiu aplicar a Lógica Paraconsistente aos dados experimentais. Para GS 0, obteve-se 100% de precisão, quando comparada à avaliação visual. Para a estimativa de GS 1, obteve-se 50% de precisão. Para GS 2 a estimativa foi 70% precisa e para GS 3, os resultados foram 100% precisos. Os resultados fornecem alta precisão na determinação dos valores de GS 0 e GS 3. O software mostrou potencial para ser usado como uma ferramenta de auxílio no monitoramento para a detecção precoce de anomalias em frangos de corte sob criação comercial, uma vez que a velocidade do deslocamento pode ser facilmente medida e usada como dados de entrada. A detecção precoce de anomalias em lotes de frangos de corte pode reduzir os problemas de saúde das pernas e melhorar consideravelmente as questões de bem-estar.

]]>
DATA13/12/2017
<![CDATA[11/12/2017 - Encontro de Letras do campus Vergueiro ]]> Por Professora Joana Ormundo

O curso de Letras do campus Vergueiro realizou, nos dias 27 e 30 de outubro, o Encontro de Letras, que abordou o tema Atuação profissional na área de Letras. Sob coordenação da professora Joana Ormundo, o objetivo do evento foi apresentar palestras sobre a atuação profissional nas áreas de tradução, ensino, literatura e pesquisa. As atividades aconteceram nos períodos da manhã e noite.

No primeiro dia, o professor da Universidade Estadual de Maringá, PR, Helcius Batista Pereira proferiu a palestra A pesquisa da história da língua. Em seguida, a professora Ana Lúcia Machado tratou das Diretrizes da Educação Básica – 20 anos de construção e, por fim, a professora Lilian dos Santos discorreu sobre A construção de sentidos em textos multimodais – uma análise de memes.

Na manhã do segundo dia, a ex-aluna do campus e escritora Daniele de Oliveira falou sobre O processo criativo do escritor, e a professora do curso de Letras Solange Gervai refletiu sobre a Escola do século XIX, professor do século XX e aluno do século XXI. No período noturno, ocorreram três palestras: Literatura Brasileira: do átomo ao bit, com a coordenadora geral do curso de Letras, Roseli Gimenes; Formação de professores de línguas: refletindo sobre o amanhã, com a professora Rosinda Ramos; e Bê-á-bá da tradução, com o tradutor Victor Gonzales.

Houve ainda exposição de banners com os Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) dos alunos do último semestre do curso, que puderam apresentar e discutir seus temas de pesquisa com professores e colegas. Foi uma oportunidade de diálogo bastante enriquecedora para os alunos se prepararem para a apresentação de seus estudos à banca de TCC.

Outra atividade importante promovida pelo evento envolveu estudantes do campus selecionados para participar do programa de Mobilidade Internacional da UNIP. As alunas Josi Rocha e Juliana Baldim, que irão para Portugal e Uruguai, respectivamente, conversaram com os participantes sobre o processo de inscrição e seleção para o intercâmbio internacional.

 

]]>
DATA11/12/2017
<![CDATA[07/12/2017 - Jornada de Design Gráfico no campus São José do Rio Preto ]]> Por Débora Barbosa

Entre os dias 27 e 30 de novembro, no campus São José do Rio Preto, foi realizada a Jornada de Design Gráfico, que abordou o tema Intervenção. A diretora do campus, Simone Buchala, fez a abertura e parabenizou a comissão organizadora do evento, composta por alunos do primeiro e segundo anos, sob orientação da coordenadora auxiliar do curso de Design Gráfico, Patrícia Fochi.

Após a abertura, houve uma apresentação da companhia musical Hatsumi Taiko e, em seguida, a palestra Do Design Gráfico ao Design Acadêmico: uma trajetória em buscas de sentidos, com o professor mestre em Design Lucas Farinelli Pantaleão.

No segundo dia, a companhia Cia Território da Dança se apresentou com o espetáculo Trânsito. Ocorreram ainda as palestras Convergência entre arte contemporânea e Design Gráfico em intervenções urbanas, com o doutor em Arte e Tecnologia João Henrique Lodi; e Qual a importância do Marketing Digital, com as proprietárias da 2Inbox Marketing Digital, Janaina Escremin e Jéssica Cipriano.

No dia 29, a Jornada contou com a palestra Projetar é preciso, viver não é preciso: uma conversa sobre as inconstâncias, proferida pelo professor e mestre em Design Emmanuel Guedes de Toleto, e com a Oficina de Aquarela, ministrada pela coordenadora do curso de Design Gráfico, Patrícia Lemos Fochi, que abordou a história e as aplicações dessa técnica artística. No último dia, foi realizada a palestra A ilustração sob o olhar profissional, com o professor da Escola Britânica de Artes Criativa (EBAC) e ilustrador do Jornal Folha de S.Paulo, Ricardo Cammarota. No final, os estudantes participaram de um coffee break e receberam os certificados de participação.

Durante todo o período, o evento contou ainda com exposição de fotos do Fotoclube Rio Preto e Branco, uma associação fundada em 2008, sem fins econômicos e de caráter cultural, que tem como prerrogativa apoiar e divulgar o desenvolvimento da arte fotográfica.

]]>
DATA07/12/2017
<![CDATA[06/12/2017 - Aluno do curso de Direito se destaca como paratleta ]]> Por Prof. Coordenador Edilson Mendes

Aluno do curso de Direito do campus Sorocaba, Tiago Cabral vem se destacando nas aulas e também nas competições que participa como paratleta, garantindo medalhas e reconhecimento.

“Comecei no esporte há 2 anos por intermédio do Banco de Olhos de Sorocaba, que tem uma equipe de profissionais empenhados na inclusão social por meio do esporte”, conta Tiago.

O estudante afirma que sempre gostou de esportes, mas tinha dificuldades em encontrar seu caminho e sua verdadeira aptidão. “Com a orientação dos professores, me encontrei no esporte. Hoje sou atleta nas modalidades lançamento de dardo, disco e 100 metros pista (velocista)”, relatou.

Durante esses 2 anos de dedicação ao esporte, Tiago já conquistou várias medalhas em competições como: Circuito Caixa, Paulista, Regionais, Jogos Abertos e Paraolimpíadas Universitárias. Na modalidade de lançamento de dardo, ocupa o quinto lugar no Brasil.

Tiago realiza seus treinos no Centro Esportivo da Vila Gabriel, de segunda, quarta e sextas-feiras.

 

]]>
DATA06/12/2017
<![CDATA[04/12/2017 - Curso de Fisioterapia promove Gincana Solidária ]]> Por Débora Barbosa

No dia 23 de novembro, o curso de Fisioterapia do campus São José do Rio Preto promoveu uma Gincana Solidária, da qual participaram coordenação, docentes, fisioterapeutas e alunos de todos os semestres, sob organização da professora Cristiane Bonvicine.

Houve arrecadações e competições, como paródia, conhecimento gerais sobre anatomia e cabo de guerra. Com a mobilização de todos os alunos, a gincana conseguiu arrecadar 489 quilos de leite em pó, que foram doados para três instituições da cidade, Creche Municipal Parque Estoril, Associação Espírita Allan Kardec e Paróquia Menino Jesus de Praga; e 90 brinquedos, que serão distribuídos para crianças na festa de fim de ano do Hospital da Criança e Maternidade.

Os estudantes se mobilizaram ainda para uma ação em prol do Dia Doador de Sangue, celebrado no dia 27 de novembro. Foram coletadas mais de 450 bolsas de sangue, que poderão salvar aproximadamente 1.800 vidas, e realizados cadastros de doadores de medula óssea. Com essa iniciativa nobre, os estudantes ganharam destaque de capa do jornal local Diário da Região.

O objetivo da ação foi conscientizar e estimular os alunos à prática da atividade solidária, ato de grande relevância para a população.

 

]]>
DATA04/12/2017
<![CDATA[02/12/2017 - Campus Tatuapé participa de Feira de Profissões no CEU Água Azul ]]> Por Chefia de Campus

No dia 2 de dezembro, o campus Tatuapé participou da Feira de Profissões no Centro Educacional Unificado (CEU) Água Azul, que fica na Cidade Tiradentes, SP. O evento contou com a presença de moradores e alunos das escolas de Ensino Médio da região, que receberam informações sobre os cursos oferecidos na unidade e sobre o processo seletivo do Vestibular 2018.

]]>
DATA02/12/2017
<![CDATA[01/12/2017 - Curso de Fisioterapia participa da Copa Paraíso de Karatê ]]> Por Débora Barbosa

No dia 11 de novembro, o curso de Fisioterapia do campus São José do Rio Preto participou do evento estadual Copa Paraíso de Karatê, realizado no Ginásio Municipal de Esportes Antônio Carlos Montanhez. Estiveram presentes os alunos do sexto, sétimo e oitavo semestres, os fisioterapeutas Aline Menezes, Diogo Araújo, Guilherme Cantoia, Janaina Bertoque, Kamila Prates e o coordenador auxiliar do curso, Marcelo Barboza.

O evento, que contou com cerca de 450 atletas do estado de São Paulo, entre adultos, jovens e crianças, faz parte do Projeto Social da Igreja do Paraíso, que promove aulas de judô e karatê, aulas de música, distribuição de cestas básicas e assistência a famílias carentes em São José do Rio Preto.

A atividade foi uma oportunidade para os alunos do curso colocarem em prática seus conhecimentos, realizando assistência aos atletas diretamente no tatame e também no Centro de Atendimento, o que possibilitou o contato direto com a lesão e, assim, poder informar o primeiro diagnóstico ao esportista. A equipe foi composta por 30 alunos e 6 fisioterapeutas, que efetuaram aproximadamente 45 atendimentos.

 

]]>
DATA01/12/2017
<![CDATA[01/12/2017 - Campanha do Natal Solidário no campus São José do Rio Preto ]]> Por Danilo Mesquita

Como de costume, mais uma vez o campus São José do Rio Preto se manteve presente e colaborando com a Campanha do Natal Solidário 2017 - De Coração para Coração. Neste ano, 15 cursos participaram da ação: Administração, Arquitetura, Biomedicina, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciência da Computação, Comunicação Social, Design Gráfico, Direito, Enfermagem, Engenharia Básica, Engenharia Civil, Fisioterapia, Nutrição e Pedagogia.

A campanha, realizada pelos coordenadores e auxiliares de coordenação dos cursos, arrecadou um total de 589 brinquedos, que foram doados para três escolas do município: Escola Municipal Modesto Rodrigues Marque, Escola Municipal Daisy Rollemberg Trefiglio e Escola Municipal Jacy Sales da Silva. A arrecadação foi recebida de braços abertos e contou com o apoio dos alunos do campus na doação dos presentes.

 

]]>
DATA01/12/2017
<![CDATA[01/12/2017 - Campus São José do Rio Preto participa de workshop de profissões em escola estadual ]]> Por Cristiane Fedrigo

No dia 22 de novembro, o campus São José do Rio Preto participou do Primeiro Workshop de Profissões da Escola Estadual Professor Edmur Neves, em Mirassol, SP.

O evento faz parte do projeto Mundo do Trabalho – Pensando o Futuro, desenvolvido pelos professores e pelo Grêmio Estudantil da escola e que tem como público-alvo os alunos do Ensino Médio. O intuito principal foi informar os alunos sobre os cursos superiores, o mercado de trabalho e as atribuições de cada profissão nas diversas áreas de atuação.

Aproximadamente 350 estudantes visitaram o estande do campus, onde receberam material sobre os cursos, manual do vestibular e brindes.

 

]]>
DATA01/12/2017
<![CDATA[30/11/2017 - Campus São José do Rio Preto realiza teste vocacional em escola da rede pública ]]> Por Danilo Mesquita

O campus São José do Rio Preto foi convidado para participar, no dia 30 de novembro, da Terceira Mostra Cultural Mundo das Profissões da Escola Estadual João Baptista Teixeira, localizada no município de Planalto, SP.

A equipe do campus aplicou aproximadamente 50 testes vocacionais, além de apresentar os cursos oferecidos na Unidade, destacando as diversas áreas profissionais de cada um. O objetivo, com isso, foi orientar os alunos do Ensino Médio na escolha do curso com o qual mais se identifica. Segundo a coordenadora da escola, Mariana Volpi Bonfim, “foi gratificante para a escola e para os alunos receber uma grande Universidade para ajudar a sanar as dúvidas existentes referentes às profissões.”

 

]]>
DATA30/11/2017
<![CDATA[29/11/2017 - Professoras lançam segunda edição de livro sobre Educação Física escolar ]]> Por Priscilla Ferronato

A Jornada Acadêmica do curso de Educação Física do campus Alphaville, realizada nos meses de outubro e novembro, apresentou em sua programação a mesa-redonda Educação Física Escolar, juntamente com o lançamento da segunda edição do livro Educação Física: como planejar aulas na Educação Básica (Editora Avercamp).

A obra é organizada pelas professoras do curso Marcia Zendron e Marta Scarpato, e conta com a contribuição de outros docentes do curso de Educação Física como autores de vários capítulos. Na ocasião, além das organizadoras, estiveram presentes também os autores Willian Freitas e Priscilla Ferronato.

Há 10 anos o livro tem sido uma referência nas bibliografias dos concursos para professores de Educação Física escolar no país. E a sua segunda edição, revista e atualizada, apresenta propostas diferenciadas com os conteúdos diversificados que visam contribuir para reflexões e planejamento das aulas de Educação Física nos diferentes níveis de ensino da educação básica – da Educação Infantil ao Ensino Médio.

Uma leitura imprescindível, portanto, tanto para os estudantes dos cursos de Licenciatura em Educação Física e Pedagogia, como para os professores, coordenadores pedagógicos e gestores, a fim de que repensem o quanto a Educação Física, como componente curricular na escola, pode concorrer para o conhecimento dos alunos numa abordagem de aprendizagem significativa, crítica e reflexiva, com foco na formação integral.

 

]]>
DATA29/11/2017
<![CDATA[29/11/2017 - Alunos de Engenharia apresentam protótipos de APS ]]> Por Prof. Coordenador Richardson Luz

As coordenações dos cursos de Engenharia do campus Sorocaba promoveram, no dia 11 de setembro, um encontro para apresentação dos protótipos de APS desenvolvidos pelos alunos dos cursos de Engenharia, ciclo básico, dos períodos diurno e noturno. O intuito do evento foi aproximar a comunidade acadêmica e incentivar um espaço de interação, garantindo também visibilidade às Atividades Práticas Supervisionadas (APS).

Os alunos do primeiro e segundo semestres foram desafiados a projetar, construir e apresentar protótipos de aquecedor solar a termossifão, utilizando energia solar ou outra fonte energética equivalente que simule o espectro da radiação solar. O desafio consistia em assegurar que a temperatura da água alcançasse valores para além da temperatura ambiente.

Já os alunos do terceiro e quarto semestres apresentaram diversos tipos de pontes treliçadas construídas com macarrão espaguete. O desafio consistia em submeter as pontes a uma carga vertical no nó central do banzo inferior. O protótipo vencedor suportou uma carga de 150 quilos em anilhas, curiosamente, a mesma marca alcançada no ano anterior.

O encontro reuniu alunos e seus familiares e contou com o apoio do colegiado de professores dos cursos de Engenharia, ciclo básico e profissionalizante, direção, chefia e técnicos do campus Sorocaba, se constituindo em um espaço dinâmico de interação e compartilhamento de experiências.

 

]]>
DATA29/11/2017
<![CDATA[29/11/2017 - Campus Alphaville transmite o Sétimo Simpósio Internacional do Desenvolvimento da Primeira Infância ]]> Por Priscilla Ferronato

No dia 7 de novembro, ocorreu no campus Alphaville a transmissão on-line do Sétimo Simpósio Internacional de Desenvolvimento da Primeira Infância, realizado em Fortaleza, CE, e organizado pela Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal e pelo Núcleo de Ciência pela Infância. A exibição contou com a organização das coordenadoras Priscilla Ferronato, Lisienne Navarro e Cláudia Câmara, dos cursos de Educação Física, Pedagogia e Psicologia respectivamente.

Foram convidados, alunos e professores do campus Alphaville, além de gestores públicos das áreas da Educação, Saúde e Esporte dos municípios do entorno (Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Itapevi, Osasco, São Paulo e Santana de Parnaíba). Todos puderam assistir a palestras com conteúdo significativo para o estudo da Primeira Infância.

Os participantes tiveram a oportunidade de interagir on-line com os seguintes profissionais: Daniel Becker, médico pediatra; Luciana Aguiar, gerente do PNUD/ONU; Ana Lucia D’Imperio Lima, economista; Marcia Machado, pró-reitora de extensão da UFCE; Claudia Costin, professora da FGV e ex-secretária de Educação do Rio de Janeiro, além de pesquisadora do Centro de Implementación de Políticas Públicas para la Equidad y el Crecimiento, Argentina; e Carolina Larriera, especialista em treinamento de liderança do Insper.

 

]]>
DATA29/11/2017
<![CDATA[29/11/2017 - Jornada dos cursos de Engenharia do campus São José do Rio Preto ]]> Por Débora Barbosa

Nos dias 7 e 8 de novembro, no anfiteatro do campus de São José do Rio Preto, ocorreu a Jornada dos cursos de Engenharia Mecatrônica, Mecânica e Produção Mecânica. Estudantes dos cursos, coordenadores e professores prestigiaram a participação de renomados palestrantes do mercado de trabalho.

No primeiro dia, foi realizado o workshop Seis Sigma, ministrado pelo engenheiro, especialista em produção e diretor da empresa RL&Associados, de São Bernardo do Campo, Ricardo Nagano.

Já no dia 8, foi apresentada a palestra Impressora 3D na Indústria 4.0, com o engenheiro egresso do campus Fernando Vianna, que desenvolveu uma impressora 3D com base em seu trabalho de conclusão de curso em 2015.

No saguão da unidade, houve ainda apresentação dos protótipos das Engenharias Mecatrônica, Mecânica e de Produção Mecânica. Com a mostra, os próprios estudantes das Engenharias, bem como de outros cursos, puderam compreender a relevância do desenvolvimento dos experimentos e a finalidade que cada projeto pode alcançar.

Estiveram presentes os docentes, André Luiz Bosso, Denise Marin, Fábio Prudente Durão, Givaldo Borzilho e Graziela Davoglio. E, finalizando a Jornada, foi oferecido um coffee break e feita a entrega dos certificados aos alunos.

 

]]>
DATA29/11/2017
<![CDATA[29/11/2017 - UNIP participa do Oitavo Congresso da AMVHB ]]> Por Pós

Entre 23 e 26 de novembro, em Londrina, Paraná, ocorreu o Oitavo Congresso da Associação de Médicos Veterinários Homeopatas do Brasil (AMVHB).O evento foi realizado nas dependências do Shopping Aurora.

 

A UNIP participou com uma delegação formada pela professora doutora Leoni Bonamin e pelas pós-graduandas Sandra Pinto e Mirian Nagai, todas do Programa de Pós-Graduação em Patologia Ambiental e Experimental. Na oportunidade, a equipe apresentou três trabalhos científicos e também integrou a Comissão Científica do evento.

 

]]>
DATA29/11/2017
<![CDATA[27/11/2017 - Curso de Biomedicina realiza ação no Hospital Regional de Assis ]]> Por Divulgação

No dia 27 de novembro, os alunos da Liga de Hematologia e Hemoterapia do curso de Biomedicina do campus Assis realizaram uma visita ao Hospital Regional do município. A ação teve como principal objetivo o entendimento sobre o ciclo de doação do sangue, desde a entrevista com o doador, a coleta de sangue, até os exames para identificação do tipo sanguíneo.

Orientados pela coordenadora do curso, Renata Aparecida de Camargo Bittencourt, os alunos da Liga executam projetos de extensão voltados à população em geral e aos estudantes do Ensino Médio. “A Liga foi criada para que os alunos ampliem seus conhecimentos sobre assuntos voltados à hematologia e à hemoterapia. Há reuniões mensais com professores especializados na área para discutir novas ações que podem ser implantadas na comunidade”, destacou a coordenadora.

 

]]>
DATA27/11/2017
<![CDATA[25/11/2017 - Alunos de Engenharia Civil visitam a Unipar Carbocloro ]]> Por Claudio Scheidt

Os alunos do curso de Engenharia Civil do campus Chácara Santo Antônio realizaram, no dia 25 de novembro, uma visita à empresa química Unipar Carbocloro, de Cubatão, acompanhados pelo professor Claudio Scheidt Guimarães.

Um dos principais pontos destacados na visita foi em relação à economia de água. A Unipar Carbocloro aproveita até o vapor d’água e implementou medidas para o tratamento de todos os efluentes gasosos, líquidos e resíduos sólidos gerados. Nos efluentes líquidos é realizado um rigoroso tratamento, por meio de três unidades devidamente projetadas, licenciadas e operadas. Os descartes de efluentes líquidos dessas três unidades são monitorados e atendem de maneira sistemática a todos os padrões estipulados na legislação vigente.

Já os efluentes gasosos têm sistemas de coleta e abatimento ou incineração também devidamente projetados, licenciados e operados, visando garantir o atendimento à legislação vigente. A empresa também dispõe do Sistema Safer, um sistema de segurança preventivo que simula eventuais vazamentos de produto e fornece informações que auxiliam na tomada de decisões em eventuais situações de emergência.

Os engenheiros da empresa, Roberto Luiz da Silva (Betinho) e Orzilho Cavalhieri Filho, responsáveis por monitorar a visita, destacaram a importância das tecnologias industriais que estão em contínuo desenvolvimento. Com isso, segundo eles, espera-se alcançar, a cada dia, a superação ou mitigação dos problemas de poluição ambiental e a adoção de processos de produção mais sustentáveis. Nesse sentido, o professor Claudio Scheidt salientou ainda que “as questões de poluição ambiental exigem estudos contínuos e especializados, além da valorização e reconhecimento do gestor diante das atuais demandas mundiais.”

 

]]>
DATA25/11/2017
<![CDATA[25/11/2017 - CPA promove café motivacional para os funcionários do campus Assis ]]> Por Divulgação

No dia 25 de novembro, os funcionários do campus Assis foram contemplados com um delicioso café da manhã, uma iniciativa da Comissão Própria de Avaliação (CPA). A ação, realizada no próprio campus, teve como principal objetivo proporcionar entre os participantes um momento de interação, estimulação e motivação para apreciar aquela que é considerada a principal refeição do dia.

Todos participaram de forma colaborativa e puderam desfrutar de café, chá, refrigerantes, bolachas e pães. Segundo a professora e coordenadora da CPA, Daniela Emilena Santiago, “ações como esta fazem o funcionário sentir-se importante, sentir-se valorizado.”

 

]]>
DATA25/11/2017
<![CDATA[25/11/2017 - FAPESP aprova projeto de Pós-Graduação em Odontologia em parceria com Universidade do Reino Unido ]]> Por Pós

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), a Universidade de Birmingham (UoB) e a Universidade de Nottingham (UoN) anunciaram, no dia 25 de outubro, o resultado de uma chamada de acordo bilateral para financiamento de pesquisa para todas as áreas do conhecimento, a ser realizada entre pesquisadores do Estado de São Paulo e das universidades britânicas citadas. Entre os projetos aprovados, está a pesquisa intitulada Epigenetic regulation of osteogenic potential in mesenchymal stem cells derived from periodontal ligament, idealizada pela professora do Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UNIP Denise Carleto Andia, em parceria com professora do College of Medical and Dental Sciences (UoB) Malgorzata Wiench.

 

Com foco no aprimoramento das estratégias em terapias de regeneração tecidual, a pesquisa tem como objetivo progredir no processo de regulação da formação óssea, avaliando particularmente o impacto de mecanismos epigenéticos que estão envolvidos na formação do tecido ósseo. Para essa investigação, serão utilizadas células-tronco presentes no ligamento periodontal (células mesenquimais indiferenciadas), que é o tecido ao redor dos dentes, conhecidas por apresentarem a capacidade de se diferenciar em tecido ósseo. Porém, como essas células podem manifestar diferentes potenciais para a formação óssea, o estudo se beneficiará justamente dessas diferenças para analisá-las e compará-las, observando aquelas que apresentarem alto e baixo potencial de formação óssea. Utilizando tal comparação, a análise responderá se as características epigenéticas diferem entre essas populações e se é possível identificar marcadores epigenéticos associados à diferenciação preferencial em células do tecido ósseo e que possam ser úteis em procedimentos clínicos. Respondendo a tais questões, a pesquisa visa preencher lacunas no conhecimento da biologia básica, bem como do metabolismo e da formação óssea.

 

A parceria entre as pesquisadoras teve início em 2015, quando Denise Andia, com apoio dos programas UoB Brazil Visiting Fellowship e Auxílio Jovem Pesquisador (FAPESP), esteve no laboratório da professora Wiench como professora visitante na UoB. Por ter sido planejado para ser desenvolvido em ambas as Universidades, o projeto possibilitará que as pesquisadoras troquem experiências profissionais, estreitando o relacionamento científico e o intercâmbio entre as instituições, produzindo e divulgando novas informações sobre o tema na comunidade acadêmica e contribuindo para a formação científica de alunos envolvidos no projeto. O projeto terá duração de dois anos e seu financiamento será dividido, em partes iguais, entre a FAPESP e a UoB.

 

]]>
DATA25/11/2017
<![CDATA[25/11/2017 - Professora do campus Assis ministra palestra sobre violência doméstica ]]> Por Divulgação

No dia 25 de novembro, a professora do campus Assis Flavia Danieli Souza Barbosa ministrou uma palestra intitulada Violência doméstica contra crianças e adolescentes. A atividade, ligada à Pós-Graduação, contou com a presença de aproximadamente 40 pessoas entre profissionais habilitados na área, ex-alunos e conselheiros tutelares.

A palestra, realizada no próprio campus, teve como principal objetivo promover debate sobre a violência nas escolas. Uma discussão que levantou reflexão entre profissionais que trabalham com educação.

Durante o evento, foi divulgado o novo curso de Pós-Graduação que irá integrar a grade da UNIP em 2018, Gestão em Políticas Sociais e Trabalho Social com a Família, pelo qual vários participantes demonstraram interesse.

Ao final, a coordenadora do curso de Serviço Social e coordenadora da Pós-Graduação, Daniela Emilena Santiago, agradeceu a participação de todos.

 

]]>
DATA25/11/2017
<![CDATA[24/11/2017 - Campus Tatuapé participa de Ciclo de Palestras em ETEC ]]> Por Chefia de Campus

No dia 24 de novembro, o campus Tatuapé participou do Ciclo de Palestras da ETEC Professor Aprígio Gonzaga, no bairro Penha, SP. Na ocasião, os estudantes tiveram acesso a informações sobre os cursos oferecidos na unidade e puderam assistir a palestras sobre “tecnologias, com o professor do curso de Ciência da Computação Álvaro Colombero, e “mecatrônica, com o professor de Engenharia Mecânica Fábio Miranda, ambos do campus.

]]>
DATA24/11/2017
<![CDATA[23/11/2017 - Jornada Tecnológica de Engenharia Mecânica do campus Araraquara ]]> Por Prfa. Simoni Gheno

Nos dias 18 e 19 de setembro, o campus Araraquara promoveu a Jornada Tecnológica de Engenharia Mecânica. O evento reuniu professores e alunos do curso, que puderam participar de vários minicursos e palestras.

Os temas apresentados durante a Jornada foram:

- Minicurso: Processos de soldagem e sua aplicação na Engenharia, com o engenheiro especialista em Engenharia de Materiais e professor dos campi Araraquara e Ribeirão Preto, Jeferson Oliveira.

- Minicurso: ARDUINO – Uma ferramenta importante na Engenharia, com o doutorando em Engenharia Mecânica pela UFSCar, Gustavo Lahr.

- Minicurso: Metodologia de análise e solução de problemas (MASP), com o diretor de projetos da Gestare Consultoria Ltda. e professor titular do campus Araraquara, Josadak Astorino Marçola.

- Minicurso: SOLID EDGE, com o doutor em Ciência e Engenharia de Materiais e professor titular do campus Araraquara, Fábio Antunes.

- Palestra: Cenário da indústria automobilística: inovação, processos de produção, indústria 4.0 e mercado de trabalho, com o engenheiro da fábrica de motores da Volkswagen em São Carlos, Vinícius do Prado, e com o diretor de qualidade da mesma fábrica, Marcelo Ferri.

- Palestra: Propriedade intelectual e inovação, com a gestora do Programa Agentes de Inovação da Agência INOVA Paula Souza, coordenadora dos cursos de Engenharia Mecânica (campi Araraquara e Ribeirão Preto) e Engenharia de Produção Mecânica (campus Ribeirão Preto), Simoni Gheno.

 

]]>
DATA23/11/2017
<![CDATA[23/11/2017 - Feira do Empreendedorismo do campus São José do Rio Preto ]]> Por Débora Barbosa

No dia 7 de novembro, os alunos do sexto semestre do curso de Administração, períodos matutino e noturno, do campus São José do Rio Preto, promoveram a Feira do Empreendedorismo no pátio da Universidade. O evento foi organizado pela professora Consuelo Braz e contou com a presença da coordenadora auxiliar do curso de Administração, Luciana Nogueira, e da diretora do campus, professora Simone Buchala.

A atividade é realizada como avaliação do segundo bimestre da disciplina Empreendedorismo e Plano de Negócios, na qual se analisa a viabilidade ou não dos projetos de negócios criados pelos alunos para empresas já consolidadas no mercado. O objetivo foi possibilitar que os acadêmicos colocassem em prática os conhecimentos adquiridos em aula, ao elaborar o plano de negócios de uma empresa, visando acompanhar o planejamento e simulação de suas variáveis.

Estiveram presente 22 empresas, que promoveram exposição de seus produtos e serviços.

 

]]>
DATA23/11/2017
<![CDATA[21/11/2017 - Alunos de Publicidade e Propaganda se apresentam no PREX 2017 ]]> Por Débora Barbosa

Os alunos do oitavo semestre do curso de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda do campus de São José do Rio Preto foram avaliados, no dia 10 de novembro, pela banca final do Projeto Experimental 2017 (PREX 2017), no anfiteatro da unidade.

Foram apresentadas seis agências, denominadas:

- Red Desk com o cliente: O Rei do Pão de Queijo

- Apolo com o cliente: Roots Tattoo

- Ello com o cliente: Neofitness

- Eva com o cliente: Soldapar

- Mestria com o cliente: Calzatore

- Arazul com o cliente: Pipe Content

Compuseram a banca o coordenador auxiliar do curso, Gil Reis, os professores do curso Silvana Nery, Alessandra Possato, Ricardo Fernandes e Lucimar Canteiro, além dos convidados, o diretor da Area Z e instrutor de Animação 2D, 3D e modelagem, Saulo Veltri, e o ex-aluno, assessor de marketing, designer gráfico e produtor audiovisual, Fernando Martins Fiori.

O Prex é o trabalho de conclusão do curso e trata-se, na prática, de um planejamento de comunicação completo de uma empresa.

]]>
DATA21/11/2017
<![CDATA[19/11/2017 - Alunos de Propaganda e Marketing realizam evento beneficente em shopping de São José dos Campos ]]> Por Fátima Gamallo Coordenadora do curso de PMK

No dia 19 de novembro, os alunos do curso de Propaganda e Marketing do campus São José dos Campos promoveram uma feira com o intuito de apoiar e gerar maior visibilidade ao trabalho de dez instituições sociais da região. A proposta, denominada UniBem (Universitários do Bem), surgiu da experiência acadêmica de um projeto que vem sendo realizado há 15 anos pelos alunos do curso, cujo tema é Uma intervenção de propaganda e marketing na sua comunidade. O objetivo projeto é aproximar o aluno do universo das instituições/organizações sem fins lucrativos (ONG) para que, aproveitando os conhecimentos adquiridos no curso, ele elabore uma proposta de marketing e comunicação com base em análises de uma ONG pertencente à região de atuação do campus.

Todo o trabalho é acompanhado e orientado pelos professores do curso. Além do contato com as ONG, levantamento de necessidades, pesquisa e elaboração de propostas para a redação de um relatório final, o projeto prevê sempre a realização de um evento, com o objetivo de dar maior visibilidade para as instituições e, assim, fazer com que elas possam obter mais apoio (material e social) para atender a comunidade. Segundo a coordenadora do curso, Fátima Gamallo, até 2016 esses eventos eram realizados isoladamente em diversos lugares da cidade: “Os alunos organizavam festas em asilos, creches ou espaços cedidos por igrejas e restaurantes, ou ainda promoviam vendas de produtos, como artesanato, em prol da ONG, em exposições e feiras alternativas. Essas ações ocorriam geralmente em dois finais de semana do mês de novembro.”

Em 2017, contudo, alunos e professores resolveram inovar e realizaram o evento em forma de uma feira, para que mais ONG pudessem se beneficiar do esforço conjunto dos universitários e da realização de um evento único de maior proporção, colocando, assim, suas ações sociais em maior evidência. Assim, a feira foi realizada no Colinas Shopping, de São José dos Campos, que aceitou e deu todo apoio para a proposta da UniBem. “Foi muito gratificante juntar essas ações em um grande evento dentro de um shopping; ver nossos alunos colocando os conhecimentos em prática e fazendo o bem foi uma vivência marcante para todos”, destacou Fátima Gamallo.

Relatos de professores e alunos comprovam a importância e o sucesso do evento. O aluno Alan Guedes, do segundo semestre do curso, que integrou o grupo Roots, explica: “O propósito desse Trabalho Integrado de Marketing (TIM) foi trabalhar junto a uma entidade social ajudando a promovê-la, melhorando sua imagem, fazendo-a conhecida da sociedade civil. E fomos além. Eu, que praticamente nasci, cresci e trabalhei dentro de uma entidade social, sei como é difícil receber ajuda de quem não conhece o nosso trabalho, nossa missão. Cada entidade luta não diariamente, mas, sim, minuto a minuto para fazer o seu melhor, para ajudar o próximo, alguém que precisa sorrir, acolher quem foi abandonado, proteger quem foi agredido, ajudar a superar obstáculos. Esse trabalho me tocou pessoalmente. Foram selecionadas dez entidades sociais, dez trabalhos diferentes e essenciais para uma sociedade que pouco as conhecem, mas que deveria conhecê-las melhor, admirá-las e ajudá-las. ‘Fazer o bem, sem olhar a quem’ é um ditado errado. O evento serviu para apresentar a todos as ONG que apoiamos. Explicamos e mostramos o que elas fazem, como fazem, onde fazem e por que elas precisam de nossa ajuda para que, no fim, nos ajudem de volta. Diversidade, acessibilidade, acolhimento, luta contra o preconceito, contra o diferente e contra a violência, tudo isso esteve presente na UniBem.”

Já o professor do curso de Propaganda e Marketing Francisco Ramires destacou que, “entre todos os trabalhos realizados no curso, este sempre foi o meu preferido, pois além dos conhecimentos típicos da área, é um momento de conduzir tudo com paixão, e fico muito feliz por saber que os nossos alunos alçaram novos voos e que, com isso, as instituições sociais ganharam o prêmio da visibilidade pública por meio da UniBem.”

A concretização da UniBem foi o resultado dos conteúdos desenvolvidos em sala de aula com o exercício da cidadania, complementou ainda a professora Joseane Serpa. “Este é um projeto que auxilia as instituições a buscar melhores formas de se apresentar ao mercado, por meio de estratégias de marketing e comunicação, e, com isso, os universitários fazem o bem para aqueles que vivem pelo bem do próximo”, ressaltou a professora.

“Quando entrei no curso, disseram que o trabalho com as ONG era o mais gratificante”, afirmou, por sua vez, o aluno Rafael Rodrigues, “mas depois que você participa, entra na instituição, conhece o trabalho sério que cada uma faz, isso se torna um aprendizado único. Como estudante nunca pensei que teria uma experiência tão boa. Faria novamente tudo de novo, e tenho certeza de que todos fariam também, pois ajudar está em nosso DNA”, concluiu.

Cada ONG atende um determinado público, cada uma delas busca minimizar problemas e proporcionar melhores condições em vários aspectos da vida: social, cultural, educacional, psicológico e financeiro. Para tanto, necessitam de apoio por meio de doações materiais e, inclusive, de tempo, por meio de trabalho voluntário. A UniBem apresentou dez organizações não governamentais sem fins lucrativos, mostrando o trabalho que cada uma desenvolve, visando ampliar suas redes de apoio.

Os alunos se dividiram em grupos e cada um ficou responsável por um estande de uma respectiva ONG, no qual apresentaram o trabalho da entidade, bem como promoveram vendas de produtos e serviços beneficentes, como doces, bolos, mudas de plantas artesanatos, cortes de cabelo e Flash Day Tattoo. Também foram realizadas ações para entreter o público, como espaço kids, com brincadeiras e brinquedos (pula-pula, piscina de bolinhas e jogos de videogame), distribuição de algodão-doce e pipoca, shows musicais, demonstração de jogo de bocha adaptado para deficientes físicos, entre outras atividades. Houve ainda arrecadação de doações para atender as necessidades das instituições e cadastros de pessoas interessadas em realizar trabalhos voluntários.

No estande do grupo Abstract, que representou a ONG Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer (GAPC), foi montado um minissalão para cortes beneficentes e doação de cabelos para a confecção de perucas. Uma cabeleireira voluntária atendeu à solicitação dos alunos, trabalhando ininterruptamente das 12h às 19h. Para a aluna Aimee Inouye, integrante do Abstract , “foi sensacional participar de algo assim, valeu a pena o esforço e o cansaço. Acredito que para todos foi algo especial, a união foi essencial e, ver o sorriso das pessoas ajudando, com certeza foi gratificante.”

O grupo Roots, por sua vez, montou o Flash Day Tattoo, com quatro tatuadores atendendo o público com preços especiais para pequenas tatuagens. Parte da renda foi revertida para a ONG Casa dos Meninos e Meninas, que abriga e ampara menores em situação de vulnerabilidade social. A procura foi muito grande e a soma arrecadada pelo estúdio de tatuagem Capitão James foi revertida na compra de 52 unidades de pacotes de fraldas, 22,8 kg de leite em pó e tintas (5 latas) para a ONG realizar a manutenção do abrigo.

O evento angariou ainda doações de materiais diversos para as instituições presentes: jeans usados, que a ONG Ágape, por exemplo, utiliza para confeccionar e vender seus artesanatos; roupas infantis e de adultos para; itens de higiene pessoal (sabonete líquido, papel higiênico, papel toalha, absorvente, lenço umedecido); produtos de limpeza (sabão em pó e em pedra, água sanitária, desinfetante, detergente líquido neutro etc.); material escolar novo; fraldas, geriátrica e infantil; e livros usados em bom estado (de literatura em geral e infantil).

A arrecadação de livros superou as expectativas, foram mais de 500 volumes doados, todos em bom estado, e que serão catalogados e utilizados para montagem de uma biblioteca na Obra Assistencial Social Coração de Maria.

As dez instituições atendidas pela UniBem foram: Associação de Apoio aos Fissurados Labiopalatais (AAFLAP); Associação das Pessoas Portadoras de Deficiência (APPD); Associação Ágape Bem-Te-Vi; Associação Educacional para Crianças Especiais (AECE); Casa dos Meninos e Meninas; Associação Criança Especial de Pais Companheiros; Espaço Mulher - Centro de Apoio à Defesa da Mulher (Jacareí); Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer (GAPC); Obra Assistencial Social Coração de Maria (OASCM); Obra Social CEPAC.

 

]]>
DATA19/11/2017