Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Odontologia

Bioestatística II

Ementa:

Conceitos de bioestatística aplicados na pesquisa odontológica e área da saúde por meio de aulas teóricas/práticas, conceitos de planejamento e tipos de estudos, delineamentos experimentais, cálculo de tamanho amostral. Análise e interpretação dos resultados das análises paramétricas e não paramétricas por meio de programa estatístico R.

Bibliografia:

Weine GRS Bioestatística e validade de trabalhos científicos. São Paulo: Scortecci; 2009.
Luiz RR, Costa AJL, Nadanovsky P. Epidemiologia e Bioestatística na Pesquisa Odontológica. Rio de Janeiro: Atheneu; 2008.
Brunette DM. Critical Thinking: Understanding and evaluating dental research. 2nd ed. Chicago: Quintessence Books; 2007.
Arango HG. Bioestatística: Teoria e Computacional. 2ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2005.
Hulley SB, Cummings SR, Browner WS, Grady D, Hearst N, Nwman TB. Delineando a pesquisa clínica: uma abordagem epidemiológica. 2ª ed. Porto Alegre: Artmed; 2003.
Doria Filho U. Introdução à Bioestatística para simples mortais. São Paulo: Negócio Editora; 1999.
Finch WH, Bolin JE, Kelley K. Multilevel Modeling using R. Boca Raton FLA.: CRC Press; 2014.
Galecki A, Burzykowsksi T. Linear Mixed-Effects Models using R. New York:Springer; 2013.
Raughunathan T. Missing data analysis in pratice. London: CRC:Chapman & Hall; 2017.